Prefeito do PSB mostra insatisfação com Taques e apoia Mauro

Por D.D.ANDRE 28/08/2018 - 15:13 hs

O prefeito Joel Carvalho (PSB), de Araputanga (337 km de Cuiabá), afirmou que o Estado precisa do candidato a governador Mauro Mendes (DEM) para comandar Mato Grosso nos próximos quatro anos. O partido de Joel integra a base aliada do atual governador Pedro Taques (PSDB), que tenta a reeleição.

O prefeito, por outro lado, se disse insatisfeito com a atual gestão, que não deu o apoio devido à região. “Hoje eu vejo o quanto este Estado precisa de uma pessoa igual você, Mauro, que possa gerenciar o Estado da forma como você administrou Cuiabá. Hoje temos várias lideranças de Araputanga apoiando a sua candidatura. Esse Estado precisa de Mauro no comando, que é uma pessoa digna, é um grande gestor público que demonstrou um grande trabalho na prefeitura da Capital”, declarou.

O apoio foi oficializado na última sexta-feira (24), durante visita da coligação “Pra Mudar Mato Grosso” à localidade. Também estiveram na região o candidato ao Senado, Jayme Campos (DEM), o suplente do candidato Carlos Fávaro (PSD), José Lacerda, e o candidato a deputado federal Adriano Silva (DEM). 

Além de Joel, outros cinco ex-prefeitos de Araputanga estiveram na reunião e manifestaram que estarão juntos da coligação nesta campanha. As lideranças ressaltaram que precisam de maior apoio do Estado para atender as necessidades locais, especialmente nas áreas de Saúde e Infraestrutura, e ouviram as propostas de Mauro para sanar tais dificuldades. “Eu sei a grande dificuldade que nós prefeitos passamos no Estado. Teremos um grande governador, que é nosso amigo e parceiro. Estamos imbuídos agora de ir de casa em casa pedindo apoio, pedindo voto para o 25. Com você sendo eleito, tenho certeza que as portas de Araputanga vão se abrir, porque você é uma pessoa que sabe o quanto é difícil ser prefeito. Nessa eleição, você irá dar uma vitória para Araputanga”, afirmou o prefeito.

Mauro Mendes garantiu que irá apoiar a região e trabalhar em parceria para fazer a Saúde funcionar, por meio de medidas simples, a exemplo da criação de um consórcio central para compra de medicamentos. “Vamos comprar mais barato, porque vamos comprar direto do laboratório, porque teremos volume e quantidade. Quando o prefeito compra sozinho, paga mais caro, porque compra do distribuidor, que compra do revendedor e assim por diante. Havia remédios que saíam cinco vezes mais caros para o interior. Se fizermos isso, vamos garantir remédio mais barato, o município vai economizar para investir mais na Saúde, na contratação e valorização do médico. Eu serei um grande parceiro dos prefeitos”. 

ALIADOS

Nas últimas semanas, além de Joel, outros seis prefeitos de partidos e coligações adversários aderiram ao projeto de candidatura de Mauro Mendes: Clodoaldo Monteiro (PSDB), de Acorizal; Silmar de Souza, o “Souza” (PSDB), de Nossa Senhora do Livramento; Érico Gonçalves (PRB), de Guarantã de Norte; Edvaldo Santos (PSB), de Lambari D’Oeste; Geraldo Ramos (PSB), de Vale de São Domingos, e Tatá Amaral (PR), de Poconé.